The Coffee Augusta – Arquitetura Comercial

THE COFFEE

O conceito do The Coffee é estar inserido em centros urbanos consolidados, porém nem sempre são encontradas edificações passíveis de transformações. Assim, foi projetado um modelo que permite a instalação do café em áreas vagas: um contêiner.

Quase esquina com a Avenida Paulista, na Rua Augusta, São Paulo, o café foi inserido na entrada de um estacionamento de carros e tem em seu entorno, bem à sua frente, o Conjunto Nacional, ano 1956.

Com a proposta de uma arquitetura itinerante, o modelo contêiner se adapta aos espaços sem a necessidade de um imóvel reformado. O projeto do café é vertical, com a altura do contêiner, de 6m. A parte térrea é o atendimento, enquanto a parte superior é ocupada pelo depósito e banheiro de funcionários, com acesso pela escada helicoidal metálica, ao fundo. A interação entre atendimento e o apoio de serviço se dá com o acesso pela porta ao fundo, escondida no painel ripado.

A repetição das ripas metálicas e amadeiradas, ambas na vertical, somadas ao quadriculado das cerâmicas do balcão, dão dinâmica e movimento. Com composição de materiais simples, o cubo iluminado ganha destaque, demarcando a entrada, fazendo a proteção em dias de chuva e brilhando ao cair da noite.

Em meio à agitação do mundo atual e da correria do dia-a-dia, onde tempo é dinheiro e a cafeína é necessária para restaurar as energias, nada é mais providencial que um café estilo “to go”.

FICHA TÉCNICA
Local: São Paulo | SP
Área: 9,70m²
Ano do projeto: 2019
Ano da obra: 2019
Fotos: Eduardo Macarios

The Coffee Augusta | English Version

The concept of The Coffee is to be inserted in consolidated urban centers, but not always transformable buildings are found. Thus, a model was designed that allows the installation of coffee in vacant areas: a container.

Paulista Avenue, in São Paulo, Brazil, is a financial, cultural and entertainment center. Near the corner of this avenue, on Rua Augusta, the café was inserted at the entrance of a car park and has in its surroundings, right in front of it, the Conjunto Nacional, year 1956, architect David Libeskind. It is one of the first modernist multifunctional buildings in the city and of great importance.

Inspired by simplicity and Japanese minimalism, the coffee reinvents the center, changes people’s routine and opens up new possibilities.